O Mundo precisa da voz e do sotaque que Larissa Lisboa emana em nome da paz.


A leveza que Larissa Lisboa provoca em meus ouvidos reflete nos sentimentos durante o dia, depois de escutar sua forma melódica de cantar. Essa voz é uma coisa saca! Cai como uma pluma rítmica em meu espaço tempo. E o sotaque? Que orgulho danado de ser nordestino contemporâneo de algumas figuras e entre elas Larissa. A pureza cantada em um sorriso largo e belo e um olhar acolhedor.


O mundo em constantes guerras. Africanos, Árabes, Palestinos, Afegãos, Brasileiros e suas guerras constantes e nunca declaradas. Sim aqui se mata por ano mais que qualquer guerra por aí a fora. Essas brigas transformam o mundo e sua Geopolítica de tempos em tempos.


Raul Seixas cantou em Egoísta, uma treta dele com Caetano, assim; a guerra é produto da paz. É muito exaustivo toda essa destruição em nome da paz. Santo Agostinho dizia; Paz é a tranquilidade da ordem de todas as coisas. Então a destruição, o caos, mortes de crianças, refugiados e tudo que se pode existir de ruim e mal em uma guerra, é em nome de uma ordem e tranquilidade ou uma nova ordem e tranquilidade está por surgir? Dizem uns filhos de Deus que essa nova ordem já começou meu bem, e aqui estamos.


Pior em uma guerra é ter que escolher lado e matar outro como se fosse o ser desprezível e mais odiado em todo o universo. Em nome da paz de quem ataca e defende. Trincheira que muitos não mais enxergam além da ordem de senhores velhos e babacas que apertam o botão vermelho por uma ordem e tranquilidade única e exclusiva em seus ambientes sentados no trono do poder que emana do campo de batalha. Seja na Rússia ou famigerado império que mais matou no mundo com suas guerras e golpes distribuídos em todos os continentes de forma eficaz e permanente. Esse salvador de todos os tempos, o império dos Americanos do Norte, U.S.A.


Sabe o que é a guerra? É a ausência de almas espiritualizadas que conseguem enxergar e sentir em uma canção a harmonia celeste pura e sem inveja alheia.


Veja que coisa interessante, dizem que no céu um grande anjo até então, sentiu a necessidade em nome de outra paz renegar àquele que o fez de forma bela e esplêndida, ele lhe deu o som e a harmonia no caminhar celeste. O deixou responsável por toda sonora e o que ele fez? Abriu uma guerra e criou subprodutos que rendem a seus filhos até hoje.


Eu quero a felicidade de todas as alvoradas no canto dos pássaros, no som que ecoa da mãe terra, da probabilidade de sucesso em minhas batalhas internas para sobrevivência diária nesse mundo explorador do capitalismo e do caos.


Quero a paz do cantar e do sotaque que Larissa provoca quando escuto. Quero que você possa sentir essa energia celeste no timbre compassado das cordas vocais de Lisboa. Eu desejo que você ao escutar a música desse anjo transforme seu dia e um sorriso belo queira pular de seus lábios, mesmo que timidamente, trazendo oxigênio e tranquilidade aos vossos corações.


A Luz virá na canção de anjos iguais a Larissa Lisboa trará paz ao mundo, mesmo que os barulhos de bombas atômicas insistam em soar.



Conheça mais sobre Larisse Lisboa e não perde tempo.


Instagram: https://www.instagram.com/larissalisb...

Spotify: https://open.spotify.com/artist/07LbM...

Deezer: https://deezer.page.link/odVrXAUaQKDc...

Twitter: https://www.twitter.com/llisboamusic/

Facebook: https://www.facebook.com/larissalisbo...

2 comentários